domingo, outubro 1

View from a Window


Destino : Londres
Partida prevista: 14.45
Chegada prevista 17:20
Vôo TP356


A espera...

Espera no aeroporto pela hora de embarque....

As pessoas, gente como tu e eu... esperam.

Umas mais pacientemente, outras mais incomodadas...

Todas têm algo em comum...

A espera.

Da minha janela, do Airbus A321 de nome Amália Rodrigues, sento-me, enquanto ouço música.

Observo que a minha espera, deverá ser menos longa. Já ninguém se encontra a embarcar.

Já todos os passageiros entraram. É agora penso eu.

E todos, creio, também pensam a mesma coisa.

Ainda ouvimos as bagagens a entrar, ainda ouvimos ruídos por baixo dos nossos pés.

Eu deixei de me preocupar. Deixei de os ouvir.

Olho para fora, tentando perceber a vida que corre, a agitação e a pressa de todas as pessoas que trabalham numa pista de aeroporto. Compreende-se...

Tanta gente à espera.

Eu dizia que já não esperava? Foi só mais uma hora e trinta dentro do avião. Questões atmosféricas impediam que levantássemos vôo. Questões atmosféricas em Londres! Chuva, vento e tempestade. Exactamente aquilo que me apetecia.

Eu até nem trouxe chapéu de chuva!

Da minha janela, já bem lá em cima, vejo imagens maravilhosas, e fundo-me com o céu, e fundo-me com a terra.

E as lágrimas correm-me, pelo treino do desapego. Não consigo retê-las, nem quero, nem preciso. Deixo-as então correr.

Os meus anjicos, como lhes chamo, ficaram em terra. Uma semana de "férias" de mãe. É bom penso eu. Faz-lhes bem a elas e a mim.

Sinto que esta distância, que esta semana, me fará ponderar uma série de questões pendentes.

E acima das nuvens, observando-as, amo o que vejo, é absolutamente pleno. Imenso, vasto. Como todo o Universo. Como o Pai.

E quando olho para baixo, vejo-vos, a vocês, meus anjicos, com os olhos do meu coração, e acenam para cima e dizem "Olha um avião! Oh, mãe, onde está?", "Está por cima das nuvens, onde não conseguem ver", respondo eu. Mas sabem, sabem sim, que estou aqui, mas ainda assim, tão perto de vocês.

36000 pés de altitude - 982 Km/Hora - Temperatura exterior : -55ºC

Fotos tiradas aqui e ali. Por mim.

3 comentários:

António Rosa disse...

muito bom post

Cachorro Cosmico Branco disse...

:) Obrigada.
Um abraço.

marcello corral disse...

gostaria muito de te entrevistar para minha pesquisa de sincronicidades, por gentileza entre em contato
marcellocorral@hotmail.com
abraço

Selos

EU SOU LUZ E QUERO ILUMINAR...
Cada passo do meu caminho para poder partilhá-lo contigo.