domingo, julho 20

Cuida Belo SER...



Cuida Belo SER...
Para que os silêncios
Não se tornem
Na simulada arrogância do Temer
Na falsa nota do esperar
Do que os outros têm para te dar


Cuida Belo SER...
Que o jardim da alma
É SEMPRE para cuidar
No dia-a-dia
Jamais descurar
Porque como qualquer outro jardim
Entra em astenia
De não mais recuperar
E ganhar a côr do fim

Cuida Belo SER...
Sempre da tua verdade
E sem temer o Parecer
Que ela não se oculte jamais
À custa da "espiritualidade".

Cuida Belo SER...
Da tua luz interna
Atravessa a noite escura
E desponta no renascer
Porque o momento que se encerra
Faz parte da vida ganha, que é TUA.

Cuida, então, Belo SER...
Da tua experiência irradiar
Da tua luz não perder
Porque só com ela vais ensinar
Irmãos que também querem saber

Mas... Cuida Belo SER...
Para que a tua radiância
Não se imponha aos demais
Para que a tua palavra
Não se torne arrogância
De pensares que assim os ajudais...

Cuida Belo SER...
Cada um tem o seu caminho
Que deve ser respeitado
Sentindo no coração
O próximo passo a ser dado

Caminha então Belo SER
Pelo caminho da Vida
Feito de Alegria e Leveza
Sorrindo para cada Eremita
Que no caminho te Aparecer

Cuida Belo SER...
De, então no sorriso
Te Lembrares de lhe dizer...
Que a vida existe
Para se viver!
E, conscientemente, AMAR !


Com muito Amor


Onda Encantada




3 comentários:

cova-do-urso disse...

Lindo. Fez-me bem ler.

Abraço

António

joana disse...

Adorei :) Um beijo Ondinha

Anónimo disse...

Lindo!...Já tinha lido noutro lado, fez-me bem.
Tanta Sabedoria numa ondinha ainda tão novinha...:-)
Linda...

Rosinha dos limões

(vou copiar o poema e enviar para alguns Belos Seres)

Selos

EU SOU LUZ E QUERO ILUMINAR...
Cada passo do meu caminho para poder partilhá-lo contigo.