segunda-feira, setembro 11

IF...


Hoje, sim, ainda no hoje de há pouco... lembrei-me de um poema que sempre gostei, desde que me conheço como Ser que gosta de ler e de poesia. Para aí desde a minha adolescência que o conheço... E muito embora já não o lesse há algum (IMENSO) tempo, se é que IMENSO é mensurável., hoje lembrei-me e resolvi colocá-lo aqui.


Se és capaz de conservar o teu bom senso e a calma,
Quando os outros os perdem, e te acusam disso,

Se és capaz de confiar em ti, quando te ti duvidam
E, no entanto, perdoares que duvidem,
Se és capaz de esperar, sem perderes a esperança
E não caluniares os que te caluniam,
Se és capaz de sonhar, sem que o sonho te domine,
E pensar, sem reduzir o pensamento a vício,
Se és capaz de enfrentar o Triunfo e o Desastre,
Sem fazer distinção entre estes dois impostores,
Se és capaz de ouvir a verdade que disseste,
Transformada por canalhas em armadilhas aos tolos,
Se és capaz de ver destruído o ideal da vida inteira
E construí-lo outra vez com ferramentas gastas,
Se és capaz de arriscar todos os teus haveres
Num lance corajoso, alheio ao resultado,
E perder e começar de novo o teu caminho,
Sem que ouça um suspiro quem seguir ao teu lado,
Se és capaz de forçar os teus músculos e nervos
E fazê-los servir se já quase não servem,
Sustentando-te a ti, quando nada em ti resta,
A não ser a vontade que diz: Enfrenta!
Se és capaz de falar ao povo e ficar digno
Ou de passear com reis conservando-te o mesmo,
Se não pode abalar-te amigo ou inimigo
E não sofrem decepção os que contam contigo,
Se podes preencher todo minuto que passa
Com sessenta segundos de tarefa acertada,
Se assim fores, meu filho, a Terra será tua,
Será teu tudo que nela existe
E não receies que te o tomem,
Mas (ainda melhor que tudo isto)
Se assim fores, serás um HOMEM.


Rudyard Kipling

Fabuloso, não é?

Também gosto!

Muita paz para os vossos (e meus também), Se...

2 comentários:

eva moon disse...

Extraordinariamente simples...

Extraordinariamente óbvio...

Mas extraordinariamente difícil
de recordar nos momentos adequados.

É no tipo de reacções que se distinguem os sábios dos que são apenas conhecedores...

Vou a caminho...
Certamente chegarei lá um dia...

Bem vinda de volta.
Beijo

Cachorro Cosmico Branco disse...

É um facto!
Tens toda a razão em todos os 'extraordinários' que utilizaste. É porque é mesmo assim!

É bom saber que continuas com afinco no caminho. Também eu...
Por isso talvez nos tenhamos cruzado um dia.

Reencontros bons estes.
Será serena a chegada.

Beijos.

Selos

EU SOU LUZ E QUERO ILUMINAR...
Cada passo do meu caminho para poder partilhá-lo contigo.